05/11/2016

O Mundo das Fanfics {Falando Sobre+Críticas}

Yo, Minna!!!
E até que enfim estou próxima ao final do ano!!! Gente, vocês não tem noção do quanto que férias estão me fazendo falta; A escola não tem me deixado nem respirar esses dias, praticamente. Estou conseguindo manter minhas notas em dia grazadeus e está tudo correndo na santíssima paz de G-Deus e Deus Yato. No ano que vem, já estou no ensino médio ^^ Isso é uma coisa boa pra mim, pois é nesse período que verei qual curso vou seguir, apesar de química me parecer uma excelente opção!

Estou, finalmente, de volta ao mundo dos games!!! O game que estou jogando, no momento, é OverWatch e, depois de The Cat Lady (resenha em breve), quero resenhar aqui no blog para vocês <3 Estou apaixonada por esse novo invento da Blizzard, que é meu amorzinho desde Diablo III <3 E, como não poderia deixar de ser, estou adentrando cada dia mais nesse mundo de bichas coreanas lindas do K-Pop, inclusive estou como membro de mais umas 4 fandons, se não me engano :33 Acreditam se eu disser que estou virando fujoshi de K-Pop/Anime/Mangá graças aos altos yaois que ando lendo no Spirit? Poishé, me mandem suas indicações de Yaoi aí que aceito todas :333.

Bem, sem mais delongas, vamos ao assunto tema desse post. Já tem algum tempo que estou me aventurando no mundo das fanfics, inclusive escrevo fanfics também (Link do Meu Perfil No Spirit Aqui) e, visando isso, encontrei a perfeita oportunidade para iniciar um papo sobre esse universo das fanfics com vocês, explanando cada ponto possível que esteja em meu conhecimento e também apontando algumas críticas a respeito de coisas que vi dentro do próprio Spirit e em uma passada ligeira que dei no WattPad também.

[06/11: Eu desisto da vida; Tô viciada nisso aqui: (www)]

Let's Go!!!!
O que é uma "Fanfic"?

"Fanfic" vem da palavra "Fanfiction", que é uma junção dos termos "Fan" (Que significa "Fã") e "Fiction" (Que significa "Ficção/História"). Em um breve resumo da obra, é quando um fã de determinada celebridade/série/anime/mangá/filme ou afins utiliza-se dos personagens envolvidos em seus gostos para formar um enredo próprio ou uma história a parte, compartilhando esta com os demais fãs do mesmo assunto. A Fanfic é formada por várias estruturas, mas estas são as básicas:

  • ✱- Capa: Geralmente estas possuem o tamanho padrão de 600 X 400px, e em sua grande maioria são fabricadas no Photoshop. Um exemplo meu (www);
  • ✱- Classificação Indicativa: Essa será determinada por você de acordo com o teor da sua história, mas geralmente, histórias que possuem teor homossexual serão obrigatoriamente +18 e infelizmente eu não sei explicar o porque, mas tudo bem.
  • ✱- Avisos: Estes irão determinar as contraindicações de sua história, o que terá muito a ver com questões sobre violência e sexo. Com base nisso deve ser decidido a classificação indicativa.
  • ✱- Gêneros: Em uma análise básica, os gêneros de Fanfic são sinônimos aos gêneros de anime/mangá, com adição de alguns estilos não tão comuns em nossas queridas animações ou mangás. Explicarei essas mais adiante.


Seguindo a orientação dessas estruturas você irá formular sua Fanfic. Primeiro de tudo, ela deverá se encaixar em alguma categoria já existente, que vai de grupos musicais até filmes no caso de ser uma fanfic; Caso seja apenas uma história original, sua originalidade será assumida nos pontos "Categoria" e "Personagens". Existem alguns tipos de Fanfics classificadas a partir de sua quantidade de capítulos, e são elas:

  • ✱- Drabble: É quando uma Fanfic é extremamente curta e, dependendo da pessoa que vá caracterizar sua fic assim, pode dizer que se trata de uma história com menos de 100/500 palavras;
  • ✱- Droubble: Outro modelo de Fanfic curtinha, onde cada capítulo pode contar com menos de 200/1000 palavras (Cai na mesma variação do estilo anterior);
  • ✱- One-Shot: São histórias de um único capítulo, independentemente da quantidade de palavras que apresentem (Geralmente vão de 1000/1500 palavras);
  • ✱- Drabs: São Fanfics onde cada capítulo é uma One-Shot diferente;
  • ✱- Short Fic: São Fanfics que possuem de 5 capítulos á 10; Geralmente, essas são bastante procuradas, mas também é necessário ter cuidado para que não resulte em um enredo muito corrido;
  • ✱- Long Fic: São Fanfics que possuem mais de 15 capítulos, onde algumas chegam até mesmo aos 35 ou 40 capítulos dependendo da preferência do autor; Claro, algumas Long Fics possuem bem menos capítulos que essa quantidade exorbitante, por isso fiquem tranquilos!
  • ✱- Poesia: São todas as Fanfics com a estrutura lírica de uma poesia, cujo tamanho desta fica a completo critério do autor;
  • ✱- Novela (Que pode estar também como "Romance e Novela"): É toda a Fanfic que possui mais de um capítulo;
  • ✱- Saga: É toda a Fanfic que é subsequente a outra já existente e possui mais de 20 capítulos, como uma comum saga de livros mesmo.
  • ✱- Texting: Fanfic cuja narrativa funciona como uma troca de mensagens de texto.


✱- Avisos de uma Fanfic: Esse é, de longe, um dos pontos mais delicados da Fanfic; Não apenas por se tratar de uma contraindicação para prevenir o leitor de sua Fanfic, mas para você se previnir também; Afinal, alguns enredos possuem cargas de conteúdo sexual que não é todo mundo que está acostumado a ver. Exemplos dos mais importantes:

  • ✱- Cross-Dresser: É quando um personagem de determinado sexo passa a se vestir com acessórios do sexo oposto ou trajar-se como tal; Não se enganem com a aparente pouca importância disso pois, querendo ou não, isso pode estar dentro de um Kink (Mais adiante falo sobre isso);
  • ✱- M-Preg: São Fanfics onde ocorre a gravidez masculina; Coisa presente com muita frequência, principalmente, dentro do universo ABO (Fica para mais adiante também);
  • ✱- G!P: Quando uma personagem feminina da Fanfic se apresenta como hermafrodita;
  • ✱- Necrofilia: Quando existe relações sexuais citadas ou explícitas com cadáveres;
  • ✱- Incesto: Quando uma pessoa do núcleo familiar de determinado personagem passa a manter relações amorosas afetivo-eróticas com a pessoa;
  • ✱- Pansexualidade: Se trata da atração sexual ou amorosa por qualquer tipo de pessoa, independente de quem se trate ou de seu gênero vulgo suruba;
  • ✱- Sadomasoquismo: É quando existe relação sexual explícita com uso de violência, onde isso pode ser considerado e por mim, deve ser considerado como um tipo de estupro dependendo da situação;
  • ✱- Self-Inserction: É quando o autor se insere dentro da história, interagindo com os personagens (Depois de tanta escrotice, eu não espantaria se o nome "Self-Inserction" tivesse causado a impressão de ser outra coisa para vocês);
  • ✱- Zoofilia: Ocorre relação sexual com animais (eca, eca, eca);
  • ✱- PWP:  Significa "Porn Without Plot", que seria uma fic sem história nenhuma baseada unicamente na pegação alheia.


✱- Gêneros de uma Fanfic: E aqui é o ponto que vai atrair os leitores até sua Fanfic. Como citado anteriormente, temos aqui os mesmos gêneros presentes em animes e mangás (como Shojos, Shonens, Joseis, Seinens, Ecchis, Hentais, Yaois, Yuris) e gêneros comuns a livros (Drama, Romance, Tragédia, Ação, Aventura, Comédia, Ficção e etc). Porém, existem alguns gêneros que não são tão comuns a essas duas produções citadas anteriormente, que são elas:

  • ✱- Dark Fic: Fanfic que possui universo depressivo, com cenas condizentes a essa atmosfera, tais como auto-mutilações, suicídios, pensamentos em morte, enfim
  • ✱- Death Fic: Onde algum ou alguns personagens principais morrem;
  • ✱- Slash: Fanfic que gira entorno da relação amorosa entre um casal Yaoi;
  • ✱- Femme Slash: Fanfic que gira entorno da relação amorosa entre um casal Yuri;
  • ✱- Lemon: Fanfic que possui relação sexual explícita entre dois homens;
  • ✱- Orange: Fanfic que possui relação sexual explícita entre duas mulheres;
  • ✱- Fluffy: Fanfic que possui muitas cenas fofas e românticas;
  • ✱- Super Sentai: Fanfic que reúne um grande grupo de protagonistas.

Sites para leitura/publicação de fanfics:


Cuidado: Kink e Universo ABO

Kink's seriam, em um resumo básico da coisa, fetiches; E por mais absurda que seja a ideia, existe sim um estilo de Fanfic para fetiches, e dos mais diversos possíveis. Em um exemplo, podemos pegar o Kink mais comum de todos: o Daddy Kink que é pra lá de estranho, mas bora explicar. Basicamente, o Daddy Kink seria um fetiche meio sadomasoquista baseado na relação entre o "Daddy" e a "Baby Girl"/"Baby Boy"; O negócio é uma mistura de Cross-Dresser (no caso de serem dois homens) com sadomasoquismo, ou seja, é escroto bagarai.


Universo ABO é um estilo de fanfic originalmente estadunidense que está se popularizando cada vez mais em terras brasucas, onde sua sigla significa Alfa, Beta e Ômega. Existem inúmeras teorias sobre o início desse trio, porém a básica é que eles são resultado de um cruzamento entre lobos e homens, onde estes possuem um lobo interior que os dá algumas características peculiares, e tem todo um ritual entre eles. Muitas vezes, os autores que optam por esse tipo de Fanfic acabam moldando esse universo da forma que acharem melhor, mas o padrão seria o seguinte:
  • Os Alfas seriam os líderes da matilha; São fortes, másculos (mesmo que se trate de uma alfa) e conseguem causar medo em qualquer outro ser de classe inferior com seu timbre vocal. O lobo interior deles é bastante aguçado, até mesmo ao ponto de que eles tenham o costume de rosnar e sentir o cheiro de um ômega ou beta a quilômetros de distância, precisando essencialmente de um Ômega para passarem o cio deles (periódico entre 6 e 6 meses) sem maiores perturbações.
  • Os Betas seriam seres humanos normais, que não sofrem com o cio e que se relacionam com Ômegas e Alfas, porém não são capazes de ajudar no cio de nenhum dos dois.
  • Os Ômegas são o grupo submisso aos betas e aos alfas, sendo encarado apenas como brinquedinho sexual para a sociedade por serem os que mais se ferram nessa brincadeira do cio. Quando nesse período (que dura de cinco dias á duas semanas, entre 3 e 3 meses), eles costumam exalar um cheiro forte, basicamente para atrair Alfas até si. O cheiro deles costuma ser doce e, mesmo que se trate de um homem, o Ômega costuma ter características femininas.
  • O Cio dessas classes é semelhante ao período do cio animal: tempo de fertilidade para reprodução, e é a partir daqui que a polêmica começa. É necessário que seja praticada o ato sexual para passar essa época "sem muitos problemas", e a coisa não é NADA normal; É tudo na base da selvageria, e eu não tô brincando. Dependendo da bondade do autor, o Ômega sempre sofre na mão do Alfa, PRINCIPALMENTE quando quem tá no cio é o Alfa. O Ômega é praticamente torturado pelo fdp do Alfa, que não se importa se tá doendo, se tá machucando ou não, e o pior não é nada... O Ômega gosta disso...
  • O Cheiro é algo bem característico desse trio de gente doida, pois funciona exatamente como em uma matilha de lobos: você é reconhecido dentro de determinada classe a partir do seu cheiro, e isso é algo essencial para os ABO se reconhecerem, principalmente no que se diz respeito a Ômegas e Alfas.
  • A Mordida é o ponto de fidelidade entre Ômegas e Alfas, principalmente por ser algo de maior simbologia que o próprio casamento. Esse laço entre essas duas raças permite que eles estejam interligados o tempo todo, sabendo se o outro está correndo perigo, se está mal, se está perto do cio, enfim. O maior crime dentro da lógica da mordida é quando um Ômega morde um Alfa sem a permissão do mesmo, coisa que acontece com uma razoável frequência nas fics.


Eu sei, o Universo ABO se trata de uma lógica bem estranha das coisas, cheias dos sadomasoquismos e tals, e se torna bem polêmico por ter todo esse conjunto aplicado a um Yaoi com o estúpido esteriótipo do seme torturador e do uke que ama ser torturado, maaas temos um belíssimo porém nesse estilo. 

Lembram-se que o ABO pode ser alterado por cada autor da forma que quiser e, existem alguns autores abençoados por Bishamon que conseguem deixar esse contexto de Alfas e Ômegas bem menos violento no quesito relação sexual, e isso acaba fazendo com que você se apaixone por esse gênero (Peguei duas fics desse gênero dessa forma que eu acabei de falar, e tenho pleno amor por elas). A questão mesmo é saber procurar direitinho as fanfics que dá pra ler um ABO sem qualquer trauma ;) Já dos Kink's eu não posso afirmar o mesmo...

Críticas ao Universo das Fanfics

Como vocês puderam ver por todos os gêneros e avisos que eu deixei aqui, as Fanfics tem um vasto acervo de conteúdo sexual nem um pouco convidativo aos enredos. Mas acreditem, apesar de toda essa porcalhada de coisa que algumas Fanfics apresentam, elas funcionam exatamente como dois polos de um imã: tem o polo positivo e o negativo. O polo positivo pode ser apresentado a partir de críticas a determinado ato, como grande parte dos Shotacons e Lolicons que eu tive paciência pra ler fizeram; Aí sim podemos ter um texto certamente interessante, apesar de tudo. Um dos principais erros do mundo das Fanfics, na minha opinião, é em relação a romantização de Kink's violentos e universos ABO's que retratam o período do cio como um tempo em que o Ômega tem que ser estuprado de um jeito ou de outro, e também tem que gostar disso. Em um resumo da conversa, tudo isso é romantização do estupro, coisa que é MUITO feia! Onde já se viu você ficar feliz por ter lido o relato explícito de uma pessoa que foi violentada e gostou?! Isso passa do limite do psicótico, minha gente! 

Eu sei que muitos de vocês acharam estranho muitos desses gêneros/avisos  que eu apresentei, e devem estar se perguntando o quê diabos eu tava fazendo da minha vida quando fui ler cada um desses estilos, porem eu posso afirmar com propriedades que existem casos piores; Por exemplo: uma vez eu acabei indo na viagem de um Hard Yaoi que eu nem terminei de ler, me recusei a tal e, como eu sempre faço, fui olhar os comentários dos leitores. Vocês acreditam se eu disser que tinha uma menina de 10 anos lendo o negócio e ficando toda contente com o lemon sádico que tinha rolado no capítulo?! Minha gente... 10 ANOS! Uma criatura de 10 anos achando bonito ler uma violência sexual! Vocês entendem a gravidade do problema? "Ah, Lives... Você tá problematizando demais as coisas! Isso é mais problema de quem tá lendo, deixa pra lá!"; É por muitas pessoas deixarem um negócio desses pra lá que as coisas estão como estão, minha gente! Um pai de respeito que não vê que a própria filha tá vendo um negócio desse e ainda por cima achando bom pode estar criando dentro de casa uma pessoa com uma mentalidade completamente retrógrada, maliciosa para o lado negativo e quem sabe, até mesmo, um futuro violador ou pedófilo Porque o que tem de Shotacon/Lolicon que passa a ideia de que um Children Kink é coisa normal não é pouco.


"Ah criatura, vai dizer que teu pai sabe que tu já leu tudo isso" Pior que ele sabe sim, e não porque ele descobriu, mas sim porque eu tive consciência o suficiente pra ir lá e dizer a ele o que eu tava lendo pra depois não ser pega numa omissão e acarretar coisa pior; E sabe o que me aconteceu? Nada. Pai achou super interessante essa coisa do universo ABO, expliquei pra ele cada gênero de fanfic e inclusive sobre Kink's também, e ele sabe que eu escrevo fics Yuris e Yaois (sim, eu escrevo, procura lá no meu perfil do Spirit). E acreditem, meu pai só deixa que eu leia porque ele sabe que eu já tenho mentalidade boa o suficiente para ler o que está lá e não acabar enfiando uma ideia retardada na minha cabeça. Mas agora me digam: Qual a mentalidade boa que uma criança de dez anos vai ter pra encarar o problema que uma fic dessas tem? Ela pode muito bem ficar afim de repetir aquilo na realidade, não pode? Quem nos garante que não? Levantem esses questionamentos e coloquem dentro de suas próprias opiniões, afinal, precisamos levantar mais em discursos e debates na blogosfera a forma com a qual é romantizada atos tão vis e cruéis dessa forma; Nós temos toda uma aglomeração de jovens em meio a blogosfera, e eles precisam saber desses problemas que tem dentro de simples histórias e pesar o realmente certo e o errado, afinal, para que coisas assim afetem pessoas de cabeça fraca que não possuem regulagem dos pais não custa.

Outra coisa que me dá nos nervos é a falta de compromisso de alguns "autores" para com seus enredos:

  • 1) A falta de cuidado com a ortografia do texto: Não estou falando somente de faltas de acentos em palavras ou conjugação de tempo verbal incorreto, mas sim quando a pessoa trata uma Fanfic Non-Texting como se fosse Texting! Exemplo: A frase é "Porque tu faltaste ás aulas?" e o danado do autor vai e põe "Pq tu faltou azaula".... Migo, isso dá MUITA raiva!
  • 2) PWP: Não é por nada não, mas pra mim esse estilo é perfeitamente feiro pra gente bronha desculpem o palavreado que tem preguiça de ler fic melhor e acaba se contentando com sesgo sem razão, sentimento, motivo ou coisa coerente. E sabe o que é pior? Tem muito universo ABO Yaoi com PWP, que se resume ao seguinte aspecto: "Ah, o Ômega tava lá no cio, um Alfa super bonzinho e nada malicioso achou ele, ferrou com o ânus do cara e eles se apaixonaram com um BAM! final feliz"... Que tipo de conversa fiada é essa, meu povo? Assim não vai, pelo amor de Cristo... Isso é o quê: falta de criatividade ou preguiça mesmo?
  • 3) Propaganda Enganosa: Uma das coisas mais comuns e mais chatas que eu já vi. Dentro de qualquer site de Fanfic, você pode associar o conteúdo do se enredo a palavras-chave, coisa popularmente chamada de "Tag"; Nessas tags, você pode colocar qualquer coisa que você quiser, pois é possível favoritar determinadas tags de determinados assuntos para ficar sempre de olho nas atualizações. Agora imaginem aí: Você tá fazendo uma história (por exemplo) de Hakuouki que tem como únicos personagens Kazama, Hijikata e Chizuru; A lógica seria colocar o nome desses três personagens nas tags para atrair pessoas, correto? Mas existem alguns sem noção que vão nas tags e colocam o nome de TODOS os personagens do Hakuouki, sendo que só vão aparecer três. Isso é, basicamente, uma tentativa de atrair pessoas até sua fanfic de forma enganosa, o que não é nada legal. Agora, imaginem uma pessoa que vai atrás de um Romance e, por causa das tags, acaba caindo sem querer num Daddy Kink?


Histórias para serem boas de fato, não precisam de apelo sexual ou de violência explícita: tudo o que ela precisa é de um bom enredo, que seja sólido e coeso; Cenas de sexo e pancadaria serão apenas pontos a mais para atrair pessoas, mas existe uma coisa que todo bom autor de Fanfic tem quem saber: você não escreve fanfics para os outros, mas sim porque você gosta e simplesmente quer compartilhar seu gosto, e nada mais que isso; Pessoas que estão atrás de sucesso são capazes de aderir e escrever as mais absurdas coisas, onde por fim, ela vai fazer simplesmente um enredo baseado num fanservice que, uma hora ou outra, vai perder completamente a graça e vai ser esquecido com a mesma facilidade com a qual se popularizou.

É isso pessoal! Por aqui encerramos o post! Espero que tenham entendido tudo o que tentei passar sobre fanfics e que, principalmente, não tenham entendido minhas críticas como um "Afastem-se do mundo das Fanfics"; Pelo contrário, recomendo que vocês leiam e vão atrás de seus próprios argumentos desse mundo, porque acreditem: vale a pena!!!!

Minha OTP Yaoi da morte, socorro

Thanks Boys and Girls,
Bye,bye o///

14 comentários:

  1. Eu ja escrevi uma fanfic, as outras que tenha na mente vou fazer um Doujin, acho que esse o nome inclusive vai ser do Kyo Shiraniu...

    Eu concordo com você na questão da escrita e se for assim eu nem entender vou conseguir.

    Ja nas questões de fetiches achei um pouco exagerado, sei que você deve não gostar mas isso é bem pessoal, eu tem uns que não gosto mesmo, e cá entre nós eu nem sei bem como as meninas que escrevem isso poe tal fetiches e quais são... Porque tem muita gente que escreve fanfic mas não pesquisa sobre o treco, então acaba botando no fetiche sua fantasia particular porém sem um refinamento.

    Enfim nesse mundo tudo é relativo eu acredito que quanto mais a pessoa ler e escreve e vive principalmente vive, ela vai escrever melhor, e aprender a ver certas coisas com outros olhos.

    Essa do exemplo Yaoi que deu foi, putz alguém faz isso mesmo, tipo pa pum.

    Sobre Diablo III vai sair aventuras novos de aniversário, estão falando que vai ser o DiabloI dentro do três de graça, eu sei que eu já gosto do um, então eu vou voltar a jogar tirar minha arcanista do armario.

    Bjs, adorei o estilo de postagem, muito interessante, as estrelinhas no fundo sempre fico babando.
    Otome Game br e +

    ResponderExcluir
  2. Heyyyy yooooo~~~ Brotando novamente aqui o/

    Nossa! Nem me fale! Você está doida pra chegar no Ens. Médio? Eu tô louca pra voltar pro fundamental, isso sim! haha' Não que o Ensino Médio seja mais Hardcore, não... eu acho que não tem essa de "tal ano é mais difícil que tal ano", porque isso depende da dedicação e esforço de cada um. A única coisa que eu acho ruim no Ens. Médio é que são só 3 anos que parece que dura eternidades e também é que tem muitos trabalhos misturados com provas ¬_¬ Mas no geral, você aprende coisas novas e a maioria das vezes pega aquilo que você viu no fundamental e aprofunda mais no assunto (com revelações bombásticas e pá aushfksajhf).
    Mas te desejo boa sorte com o colégio! Boa sorte pranozis :3

    Mas voltando aqui ao assunto da Fanfic...

    Eu tenho certos "preconceitos" com fanfics. Eu só gosto de ler fanfics originais. Não gosto daquilo que tem crossover ou é baseado em tal coisa. Pra mim, 100% original, cenário, personagens, história, tudo! Caso contrário nem leio u_u Sim, sou chata mesmo (por isso que prefiro livros a fanfics haha). Eu costumo ler mais no Nyah! Fanfiction, sei lá... acho mais simplesinho e talls haha.
    Mas uma coisa que tenho que destacar: Em relação à escrita. Nossa, assim como você, eu também odeio fanfics com escrita horrível. Não que eu seja lá aquelas perfeitas pessoas manjadoras do português, não... eu erro também. Mas quando eu noto que a fanfic tem muito erro... nossa, eu desisto de ler. Se eu gostar MUITO mesmo, eu envio uma mensagem-dica pra/pro escritor/a. Porque minha nossa... irrita mesmo uahsfkhsafjh
    Mas em geral é bacana ver o povo colocando a cachola pra funfar :D

    Chu~

    ResponderExcluir
  3. Olá, Lives! \o/

    Lembro da época em que eu estava no Fundamental e não via a hora do Ensino Médio chegar. Quando chegou, não foi bem como eu imaginava, huashuashu. Para mim, Ens. Médio foi bom em alguns aspectos e ruim em outros. O que sinto falta dessa época é dos seminários que tínhamos que fazer, e de alguns professores. Amigos nem tanto, porque mantenho contanto com todos os que fiz (que foram poucos, aliás).

    Você mencionou sobre os jogos... Bom, o único que estou jogando atualmente é só League Of Legends mesmo. Tenho a demo de Life is Strange pra jogar, e até hoje não finalizei Tomb Raider 2013, porque estou em uma fase em que preciso de flechas para seguir adiante, porém acabaram e não encontro mais no mapa. Logo, a única solução é resetar o jogo e começar tudo de novo. T_T
    Uns dias atrás eu até estava assistindo um gameplay de OverWatch e achei o jogo interessante, quem sabe um dia eu dê uma oportunidade? xD

    Sobre fanfics, eu nunca cheguei a ler uma. Uma vez eu até procurei umas fanfics de Fairy Tail, mas a escrita me incomodou tanto que desisti - e o enrendo não era pra lá de interessante -, porém, um dia pretendo dar oportunidade para elas. Sei que serei bem seletiva na escolha, quero procurar bem para não me deparar com umas coisas meio absurdas e/ou traumatizantes.
    Nem sabia dessa do Universo ABO, confesso que senti repulsa pelos alfas. ._.
    Enfim, eu até já cogitei a ideia de escrever uma fic tempos atrás, mas o problema é eu começar algo e não conseguir terminar, huashuashu.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. Liveeeees! o/

    Olha que pessoa louca a que vos fala: eu jurava que já tinha comentado nesse post aqui. Mas jurava de pé junto, mesmo! Acho que eu sonhei ou algo assim. Mas enfim, já que eu não comentei, bora comentar.

    Acho que a escola deve se manter como prioridade mesmo, mas grazadeus que tá acabando, né? HuashUHASUHsh Nossa, ensino médio ano que vem, já? Pra ver como o tempo voa.

    AAAH, nem me fala em games que eu to chorando já, faz muito tempo que não jogo e acho que essa semaninha finalmente terei tempo pra zoar com a vida dos meus Sims! Eu ainda quero jogar Overwatch, mas a pobreza ainda não me deixa. E BEM-VINDA AO MUNDO DAS FUJOSHIS, depois que entra não tem mais volta, você sabe, né? -q Pior é que eu nem sei quais yaoi recomendar, porque faz bastante tempo que eu não assisto a algo novo e muitas das coisas que assisti são meio problemáticas. Eu não sei se você já assistiu Sekaiichi Hatsukoi, mas é um yaoi bem legal. É da mesma autora de Junjou Romantica, porém em Sekaiichi os personagens são mais maduros, fora que se trata da área de editoração de mangás, é bem bacana. E tem o Yuri!!! on Ice que tá rolando nessa temporada, que não é classificado como yaoi mas tem uma representatividade bem legal, não tem como não amar. <3

    EU QUERIA DESVER ESSE VÍDEO DA PINEAPPLE PEN AHSUAHSUHASUH

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, agora sim vamos falar sobre o assunto desse post que é uma coisa que eu parei de ler há um tempo. Essa coisa da classificação é um pouco complicada, porque na verdade na maioria dos sites quem decide a classificação é o autor. Eu já escrevi histórias com teor homossexual e deixei a classificação mais baixa, porque afinal não tinha nada de mais na história, só personagens gays colegiais. A classificação deve ser baseada, como você disse, na quantidade de violência ou cenas pesadas na história, como cenas explícitas de sexo; não pelo gênero e orientação sexual dos personagens. Mas beleza, né.

      A parte dos tipos de fanfics pelo tamanho eu já não conhecia todos os termos. Acho correto que a pessoa escreva todos os tipos de avisos necessários na fanfic, afinal ninguém quer ser pego de surpresa no meio da história. hasuhausuhas

      A questão dos Kink's (que eu nem conhecia até agora), pelo que entendi, é relacionado um pouco com pedofilia, mesmo que o parceiro não seja menor de idade, o fetiche é por algo infatilizado, ou seja, ta aí a problematização.

      Já esse Universo ABO, que é isso, gente? Eu nunca tinha ouvido falar disso, e é até difícil de entender, de imaginar isso dentro de uma história. Mas ok, é como você disse, alguns autores sabem explorar isso de forma que não existam abusos, nesse caso, maravilha.

      Bom, é exatamente isso: o limite entre o que é estupro e o que não é. As pessoas acham que alguns atos são "normais" quando na verdade são casos de estupro ou pedofilia. Fiquei chocada quando você disse que uma menina de 10 anos leu esse tipo de fanfic, mas aí eu acho que tem dois lados: o primeiro é que em hipótese alguma uma criança poderia estar acessando esse tipo de conteúdo desacompanhada; o segundo é que quem escreve deveria começar a se conscientizar sobre esses pontos. Mas se a pessoa coloca que a classificação é +18, bem, a partir daí o problema é mesmo de quem lê. Ainda assim, seria bom se não existissem conteúdos romatizando estupros e criando estereótipos de relacionamentos homossexuais não-saudáveis, não é mesmo?

      Uma coisa que me deixa contente é ver que o mundo anda se mobilizando mais nesse aspecto, problematizando muito mais tudo quanto é tipo de obra, tanto pelas mulheres quanto pelos LGBT+. Mas o mundo das fanfics ainda é meio obscuro mesmo.

      Sobre as suas críticas, eu concordo com tudo, principalmente a questão da ortografia. E tem mais ainda. Eu parei de ler fics por esses aspectos e também porque não tinha mais paciência de procurar coisas decentes, sendo que de cada 10 fics que eu lia, 9 eram péssimas. Isso desanima qualquer um. Sei que isso deveria ser incentivado, mas eu simplesmente não consigo. No máximo eu consigo ler histórias originais, e realmente ultimamente não ando tendo tanta paciência pra tudo isso.

      Beijos! o/

      Excluir
  5. Sabia pouco sobre fanfic, mais agora vc abriu a mente hauaha! <3
    Obrigada <3

    Se gostar, passa lá esiga <3
    https://mundo-mikas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Poxa moça, a moça fez mó post lindão, cheio de conteúdo e tu põe uma linha de comentário? Meio pombo -q *sorry invadir os comentários*

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  6. Oi oi gatan ~ <3
    SIM, EU VOLTEI AAAAAAHH! Voltei com o ar mais triste e frustrante que você pode imaginar, sério... Você é uma das minhas melhores amigas na blogosfera e deixar de comentar em seu blog me parte o coração de um jeito que não sei explicar. Eu amo vim aqui falar contigo, as vezes que já conversamos, surtamos e rimos são incontáveis e me sinto muito bem por aqui, nunca te abandonaria ou coisa assim <3

    Assim como você, eu estava sendo sufocada pela faculdade e pelos afazeres, por isso não vim comentar aqui e em nenhum outro blog. Sei exatamente o que você está passando e espero que possa ter férias logo. Observação: The Cat Lady e Diablo III são meus amores, mas não joguei Overwatch e nem pretendo, pois jogos online me tiram um tempo que não tenho -q

    ESSA INFORMAÇÃO É VERÍDICA? HÁ TEMPOS QUE TE RECOMENDO O SANTO YAOI E VOCÊ SÓ VEM SE TORNAR FUJOSHI AGORA? MEU AMOOOOOR, NÃO TÁ DANDO SHUASHHUAS Ah! Vou te adicionar no Spirit, me aceita lá, vou ler todas as suas fanfics MUAHAHAHAHA Já percebi o fundo do Yurio, tu curte YOI também? Mds, tô viciada nisso, até fiz um layout do Viktor AAAAAAHHH!! Acho que não vou sobreviver até quarta! Ou pior, não vou sobreviver depois de quarta! COMO SERÃO MINHAS QUARTAS SEM YURI ON ICE? Enfim... Sobre o post:

    Histórias de teor homossexual são classificadas como +18 porque na televisão também são classificadas assim, MAAAS um grupo de pessoas está colocando as fanfics homo sem sexo como +16 em sinal de protesto, pois um romance é UM ROMANCE INDEPENDENTE DE SEXUALIDADE! Aos poucos a gente vai conseguir fazer romances homo serem livre para todos os públicos assim como romance hétero.

    Avisinho: Fanfics marcadas com a tag "Pansexualidade" não necessariamente possuem a titia suruba, isso porque pode muito bem ter suruba só com homens, só com mulheres ou só com gêneros binários. As fanfics marcadas com essa tag geralmente possuem um personagem pansexual ou possuem uma ou mais cenas de sexo com uma pessoa trans.

    Avisinho parte 2: Sadomasoquismo NÃO É e NÃO PODE SER considerado estupro se for CONSENSUAL, ok? Existem sim pessoas que gostam de apanhar ou ser submisso durante o ato sexual (vulgo Azusa de Dialovers), não será estupro e essa pessoa pedir pra isso, o sadomasoquismo é um fetiche como qualquer outro. O que acontece é que a maioria do povo que escreve sobre sadomasoquismo não sabe desse detalhe que deve ser consensual, então a fanfic acaba sendo um estupro mesmo, MAS NO GERAL SADOMASOQUISMO E ESTUPRO SÃO INDEPENDENTES UM DO OUTRO! A fanfic pode ter estupro sem ter sadomasoquismo ou pode ter sadomasoquismo sem ter estupro, ok? Se tiver dúvidas, o próprio google está aí pra isso (ou você pode sempre perguntar a mim ou pro Richard -sim, ele é masoquista e costuma praticar coisas assim-, eu leio muitas fanfics sadomasoquistas e entendo do assunto).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E você foi a única a apresentar o Universo Kink e o Universo ABO por aqui, eu não sabia que mais pessoas soubessem desse tipo de estilo, arrasou <3

      A romantização do estupro é uma coisa que não gosto e nunca vou gostar, odeio muitos yaois só por essa característica maldita, tudo que você falou sobre a parte de romantização de estupro eu concordo totalmente, mas é o que eu disse ali em cima, existem sim pessoas que são violentadas e gostam, e não é um número pequeno, a questão é que o sadomasoquismo é uma relação que explora a CONFIANÇA e o CONSENTIMENTO, por exemplo, se um deles disser "não", já é estupro, mas se não disserem nada parecido, não é um estupro. Também tem a famosa regra do "contrato sadomasoquista", é um conjunto de regras relacionadas à confiança, o que pode e o que não pode fazer na cama, ou seja, pra ter uma relação sadomasoquista saudável, os participantes devem ter a total consciência do que estão fazendo e devem ter total confiança no parceiro, se por acaso o parceiro violar uma das regras que eles estabeleceram na relação, já é motivo para parar o ato.

      Sobre a criança de 10 anos que estava lendo o yaoi hard, eu não sei se discordo ou concordo com isso, eu comecei a ler lemon com 13 anos e nem por isso sou uma psicótica, eu não gosto nem um pouco de estupro, por exemplo. MAAAAS se a fanfic tem sadomasoquismo, eu já não sei se é saudável, pois mesmo que a autora tenha abordado o tema corretamente, o sadomasoquismo tem muitas regras e é complexo demais para uma criança de 10 anos entender... Não é saudável ler sadomasoquismo tão jovem assim, sei lá... Eu teria que ler a fanfic ou conhecer a pessoa para formar uma opinião melhor...

      Devo dizer que você não está exagerando na problematização, tem que problematizar mesmo, só dê mais atenção aos tópicos que disse, principalmente sobre sadomasoquismo, acho que você não conhece muito bem a prática... E vou mandar a real: Eu tenho 19 anos na cara e nunca contei pros meus pais que curto yaoi, e olha que já saí de casa e tudo. Vai de cada pessoa, com 11 anos eu já gostava de yaoi, com 13 eu já li lemon, mas nunca contei, porém alguns amigos sabem e na blogosfera então... Todo mundo sabe que amo uma potarea guei! Depende muito da confiança que a gente tem com os pais, eu não tinha nenhuma confiança neles, então não contei.

      Sobre PWP, tenho MUUUUITAS fanfics assim -mas só publiquei duas, mds...- e posso dizer: É preguiça mesmo. E um pouco de falta de criatividade. Ou o simples motivo de querer escrever lemon, mas não tem nenhuma história pronta. Eu concordo totalmente contigo, é feito pra gente preguiçosa, mas tem muita gente -não é meu caso- que faz fanfics assim como "teste", tipo... Pra melhorar a escrita e melhorar o jeito que ela escreve pornô já preparando para sua fanfic principal. Eu leio algumas fanfics assim também, mas acho que a parte de ler é mais quando você tá a fim de ver pegação e somente isso, as que eu favorito desse tipo precisam estar muito bem escritas -tem umas que... mds, é tão bem escrito que você fica pensando "poxa, essa autora bem que podia fazer uma fanfic maior"

      Mas as coisas que mais odeio sem dúvidas são as propagandas enganosas e os erros grotescos de muitas autoras, eu sou muito chata com erro, até entendo quando uma coisa ou outra passa, mas SEMPRE PASSAR? MDS! Sobre as propagandas enganosas, nem tenho o que dizer, você já disse, muito desnecessário, se a fanfic for boa ela vai ter fãs de qualquer jeito.

      Tenho muitas fanfics longas e com uma história planejada, mas eu não publico porque isso remete a outra coisa que odeio no mundo das fanfics: HIATUS! Muitas fanfics boas entram em um hiatus sem fim e deixam os leitores na pior bad possível. Custa terminar de escrever antes de publicar? Por isso que não publiquei as minhas ainda, estariam todas em hiatus se eu publicasse, pois eu escrevo a passo de tartaruga, sou muito perfeccionista e tals...

      Enfim, ótimo post, espero que não me mate Diário de uma Otome

      Excluir
  7. Olá, aqui é a Sii fingindo ser o Kuroi, mensageiro do Onigiri quase Prédio.
    Vim avisar que tem presentinhos pra você no Onigiri!

    Beijos!
    Kuroi,
    http://onigiri-quase-predio.com

    ResponderExcluir
  8. Eu amo fanfics, ainda mais o Daddy kink e,e acho que M-Preg é muito estranho, mas eu não odeio kkk eu gosto de muita coisa :p
    Rapaz, esse negócio de fanfic é tanto que só lendo mesmo kkk' mas meus favoritos são os que tem erotismo (ou pornografia mermo kkk)

    Tia das Galáxias - visite

    ResponderExcluir
  9. YO MOÇA~
    Primeiramente, sorry a invasão ali em cima, eu ainda acabei atualizando a página aqui porque fui ler teu about e deu uns bug muito louco aqui e o comentário duplicou -q Mas enfim né... É impressão minha ou a besha do meio na primeira imagem do post é a Heroína de Amnesia? Só reconheço ela dessa imagem -q Mel dels, você tá em aula? Ya, já vai estar no ensino médio? :v Ainda me falta dois anos pra ir pro ensino médio, contando com 2017. Eu nem sei o que quero fazer da vida, digo, eu não pensei em ser a pessoa mais rica do mundo, quero fazer algo que goste, mas parece que somos empurrados para "ai conseguir trabalho bom, ai se formar, ai faculdade", é meio complicado -q Eita, já é multifandom, ADORON ahsuahsuahs AI TU É ARMY E VIP, só vem pro abraço *corre* Tu tem wattpad? Caso tiver, me procura por lá, sou a @pwrblue, tem minhas listas de leitura lá, só coisa boa :'v

    Que exemplo lindo de Jinkook, adoron muito :v COMASSIM SÓ PORQUE TEM TEOR HOMOSSEXUAL É +18?! Que palhaçada isso, soa um pouco homofóbico de qualquer forma. Gosto bastante de short fic, long fic e texting, oneshot eu gosto também mais fico com aquela de "hum, queria mais ein" -q Nunca vi alguém especificando seu livro como drabs, no wattpad eu vejo o povo falando que é tipo coletânea de oneshots e coisas semelhantes.

    Eu acho tão legal cross-dresser, eu fico imaginando a galera do kpop e fica muito fofinho ahsuahsuahsu Já li algumas fanfics com m-preg, não sou capaz de opinar, mas se a fanfic é boa eu leio sem problemas. Vish, o que tem de incesto pombeado no wattpad, é tenso, os caras nem fica com consciência pesada nem nada ._. Já li uma fanfic com sadomasoquismo, na verdade, já li várias, mas só uma é realmente boa (tá lá no minha lista do wattpad, é Neophile o nome, caso tenha interesse né), eu acho self-inserction meio brisado ahsuahsuashaush Necrofilia, zoofilia, GENTE, DESNECESSÁRIO, MUITO DESNECESSÁRIO -Q "NA PEGAÇÃO ALHEIA" EU RI DISSO AHSUAHSAUSHUASA

    *dividindo o comment*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fluffy é um amorzinho, socorro, mas eu sou mais dos lemons mesmo, desculpa sociedade ahsuahsuashua Já li dark fic, slash, lemon e fluffy, o resto ainda não li. Aliás, já tenho que shippar as garotas do blackpink que já começo a ler as fanfics haushaushau -q *sou a decepção mesmo ahsuahsuahsa*

      Eu não acho que daddy kink seja pombo, mas tipo, a maioria das pessoa que escreve esse tipo de fanfic acha que é só colocar o daddy não deixando baby gozar, dar uns tapa na bunda, puxar o cabelo que tá super topzão, vai muito além disso e é ridículo o jeito que o povo escreve, a mesma coisa com o sadomasoquismo, vai muito além dessas mesmas coisas que eu falei antes, o povo não pesquisa, e escreve a mesma coisa superficial que leu em outra fanfic ;_; Aliás, pelo que eu sei, não tem necessariamente cross-dresser envolvido no daddy kink, acho que isso seria mais uma escolha do casal. Eu já li uma ABO, até que era boa, mas sei lá, não achei esse tipo de fanfic a coisa mais interessante do mundo, tem que ser bem escrito e tenho certeza que aparece muita fanfic ABO bem merda -q

      Ah, sim, tem muitas fanfics que romantizam estupro, eu lia uma no wattpad, e mano, eu nunca vi um Jungkook ser tão estuprado em uma fanfic só, e o pior é que no começo eu não via problema, foi só depois de um tempo que eu percebi que aquilo tava errado demais e parei de ler qualquer outra obra da autora. COMASSIM 10 ANOS? Tipo, não que idade importe, mas se ela tivesse maturidade pra ler, coisa que com esse comentário deixa bem claro que não tem, dava até pra relevar, mas né. Hoje em dia crianças de 7 anos acesso a tudo, isso é bem preocupante as vezes. Minha família não sabe que eu leio esse tipo de coisa, mas acho que se eu falasse ía dar problema, porque tipo, eles não veem esses tipos de relações como algo normal, sabe, é uma droga, então é melhor eles nem saberem.

      Eu simplesmente odeio erros gritantes em fanfics, até mesmo em texting -q Sou bem agoniada com isso. PWP é meio sem sal, sabe, mas dependendo da fanfic até fica uma história legal, se for oneshot, obviamente. É uma droga propaganda enganosa, tipo, isso tem até no aliexpress, tu pesquisa bts e sai uns coiso nada haver tipo "???".

      Ya, eu noa sou monbebe, mas já achei os dois um amorzinho ahsuahsuasha Enfim, adios moça,'dorey o blog e esse layout bem galaxy :v [ P★C ]

      Excluir